Notícias

CIEE / MG participa de Pesquisa que pretende avaliar impacto da pandemia nos jovens

Pesquisa pretende avaliar impacto da pandemia nos jovens

Desde o dia 14 de maio, jovens de 15 a 29 anos de todo o País estão sendo convidados para participar da pesquisa “Juventude e a Pandemia do Coronavírus (Covid-19)”, que pretende aferir dados sobre impactos da pandemia do Covid-19 em suas vidas.  A iniciativa é do Conselho Nacional da Juventude (Conjuve), em parceria com: Em Movimento, Visão Mundial, Fundação Roberto Marinho, Mapa Educação, Porvir, Rede Conhecimento Social, Unesco e conta com a colaboração do Centro de Integração Empresa-Escola de Minas Gerais (CIEE / MG), que beneficia atualmente cerca de 12 mil jovens com seus programas de estágio e de aprendizagem. 

O estudo tem o objetivo de ouvir jovens de regiões, vivências e realidades sociais diversas e apresentar como eles veem as consequências da pandemia em suas vidas e na sociedade. Nesse sentido eles estão sendo convidados para falar sobre os impactos do novo Coronavírus e como a pandemia afetou seus hábitos e de que forma a crise provocada pelo Covid-19 influencia suas perspectivas para o futuro, entre outras questões. 

Conforme Marcus Barão, vice-presidente do Conselho Nacional da Juventude, para o enfrentamento aos desafios impostos pela pandemia do Coronavírus, será fundamental a construção de soluções que sejam baseadas em evidências, sustentadas por um amplo processo de diálogo e articulação social, garantindo que as vozes das juventudes de diferentes regiões e realidades sejam ouvidas e amplificadas.

O questionário da pesquisa, que provoca os jovens a relatarem como se sentem em relação às medidas de saúde pública e contenção da pandemia, seus efeitos na educação, saúde e bem-estar, trabalho e renda, comunicação e informação, ficará disponível no endereço bit.ly/juventudesecovid19. É composto por 47 perguntas e leva aproximadamente 20 minutos para ser respondido.

 A pesquisa pede aos participantes algumas informações sobre sua origem e perfil socioeconômico, mas não exige identificação. Atendendo a um dos objetivos do estudo, o de articular um processo que torne os jovens protagonistas. A pesquisa utiliza a metodologia PerguntAção, que envolve o público alvo em todas suas etapas.

 Para elaborar o questionário, foi constituído um grupo de 20 jovens de diferentes regiões e realidades, que se reuniram virtualmente para conversar sobre esse tema. Esse mesmo grupo vai voltar a contribuir com o projeto durante a coleta de dados e análise dos resultados. 

Notícias relacionadas